Mercado

/Mercado
Mercado2020-06-26T16:10:31-03:00

Mercado promissor

Telecomunicações é um mercado em ascensão com altas taxas de empregabilidade e investimentos. Comparado a outros segmentos da economia, telecomunicações tem um destaque espetacular. Em abril de 2013, chegamos a 100 milhões de acesso por banda larga (07/mai/2013); 1,34 celulares por habitante (265 milhões de aparelhos); e 16,8 milhões de usuários de TV por Assinatura. Em relação a dezembro de 2008, foram crescimentos de 631%, 76% e 167%, respectivamente (fonte: Teleco, acessado em 15/05/2013).

A venda de Smartphones dobrou entre 2011 e 2012, chegando a 18% do número de celulares vendidos no Brasil. Já o mercado de Tablets passou de 1% em 2011 para 5% em 2012. Em 2013, chegamos a incrível marca de 30 aparelhos celulares vendidos por minuto, segundo o IBOPE (Fonte: IBOPE Inteligência, acessado em 14/05/2013).

O setor de telecomunicações no Brasil é responsável por muito movimento financeiro. A receita do setor 4,9% do PIB em 2012. O valor adicionado (em R$) na economia para cada R$1 milhão investido no
setor de telecomunicações é R$ 1,44 Milhões, enquanto que o setor automobilístico é R$ 1,23 Milhões. Telecom
respondeu em 2012 pelo recolhimento de aproximadamente R$ 59,2 bilhões aos cofres públicos (isso é maior que o PIB da Zona Franca de Manaus em 2012).

O Brasil é um mercado de destaque quando comparado ao restante do mundo. O consumo de vídeo
online no Brasil cresceu 18% em 2012, frente a 3% de crescimento mundial. Entre 2008 e 2011, os investimentos em
telecomunicações no Brasil chegaram a US$ 6,6 bilhões em 2012, frente a US$ 1,1 bilhões da média mundial.

Esses números indicam que telecomunicações tem mercado forte e altos efeitos multiplicadores de renda e emprego, contudo, devido a pouca adesão de alunos aos cursos de engenharia de telecomunicação, a educação é um gargalo importante da área.

O que os profissionais falam?

“Isso faz do setor, inclusive, um importante gerador de renda e emprego. As atividades ligadas à tecnologia e à comunicação responderam, em 2008, por 35% de toda a receita com serviços no país. Disto, as telecomunicações respondem sozinhas por 60%. O total inclui ainda a atividade dos mercados editorial, audio-visual e de TI (Tecnologias da Informação), segundo apontou o levantamento Panorama da Comunicação e das Telecomunicações no Brasil, do Ipea.”

Fernanda de Negri, Ipea
” target=”_self”]

Em abril de 2013, o mercado de Telecom no Brasil chegou a: 100 milhões de acesso por banda larga (07/mai/2013): + 631% em relação a 2008. 1,34 celulares por habitante, 265 milhões de aparelhos: + 76% em relação a 2008. 16,8 milhões de usuários de TV por Assinatura: + 167% em relação a 2008. Fonte: Teleco (http://www.teleco.com.br/estatis.asp). Acessado em 15/05/2013.”

Cláudia Viegas, LCA Consultores